Facebook Google Pluss
Tiago Viana conseguiu superar o próprio tempo. Cravou 21 segundos e 63 centésimos nos 200 metros. Trouxe três ouros e um bronze.

- A prova de 200 para mim foi uma grande surpresa, onde eu pude melhorar o meu tempo, bati o meu recorde pessoal e, nas demais provas, eu já vinha treinando bem e o resultado já foi esperado – conta o atleta.

Maicon Garcia também melhorou a marca nos 800 metros. Com 1 minuto, 51 segundos e 85 centésimos trouxe a prata. Os dois ouros vieram nas provas de 400 metros e no revezamento de 4x400m.

- Perdi a medalha nos 800 metros no peito. Foi 10 centésimos. Foi uma piscadinha de olho – relata Maicon.

Olha quantas provas Felipe Velozo competiu.

- Cem metros, salto em distância, arremesso de peso, salto em altura e 400 metros no primeiro dia. São cinco provas. No segundo dia 110 metros com barreiras , lançamento do disco, salto com vara, lançamento do dardo de 1500 metros – descreve.

Pois ele é ouro no decátlo e terceiro no salto com vara.

- O clima não estava tão favorável, chovia, ficava sol. Os atletas num nível muito bom. Então, foi muito difícil para mim – acrescenta Felipe.

A equipe feminina foi representada por 19 mulheres entre 17 e 19 anos. Elas ainda estão se recuperando dos esforços do campeonato, mas juntas trouxeram 12 medalhas de ouro e duas de prata.

- É uma equipe que está sendo renovada e fomos segundo, assim mesmo. Pernambuco tem uma equipe muito forte e, enfim, estamos bem – avalia o treinador da equipe potiguar, José Figueiredo.

0 comentários:

Notícias Editadas

DESCRIÇÃO-AQUI.